Outras formas de viajar
Dicas de compras Planeje sua Viagem

Outras formas de viajar

O que fazer em casa, em tempos de coronavírus
Por Camilla Ribeiro    Postado em 23.03.2020

Estamos vivendo tempos sombrios, com a pandemia do coronavirus no mundo. Acredito que todos estejamos compartilhando agora sentimentos de angústia, incerteza, medo, frustração e impotência. Não é hora de viajar ou sair de casa. Por mais desagradável que seja, os estudos são claros em demonstrar que o isolamento social é a forma mais efetiva de diminuirmos a progressão do contágio e fazer com que tudo isso termine o mais rápido possível.

Enquanto isso, vamos nos manter positivos e confiar que dias melhores virão. Para animar um pouco esse período de quarentena, fiz uma seleção de outras formas de “viajar”, sem sair de casa. Vamos lá?

1. Que tal fazer um jantar temático com a culinária de outro país?

Mesmo antes da pandemia, essa já era uma das minhas diversões favoritas. Tenho por hábito, pelo menos uma vez por mês, fazer um jantar temático aqui em casa, com decoração e culinária de outro país. Se é algum lugar que já visitei, tento usar objetos e utensílios que tenha comprado na viagem, decorar com fotos, preparo uma playlist especial… enfim, vale tudo para entrar no clima!

Costumo pegar dicas para essas noites temáticas nesse site aqui. Deixe a sua criatividade te levar e aproveite!

2. Ler um bom livro

Se há forma melhor de viajar sem sair do lugar do que lendo, eu desconheço. Livros nos fazem conhecer outros territórios, culturas, abrem nossa mente e nos fazem companhia.

Deixo aqui uma lista de livros que vão te fazer viajar pelas suas páginas. Clique nos nomes dos livro, para conferir a sinopse e comprar:

Livros sempre são excelentes companhias (Foto: Viagem no Detalhe)

Ps: só estou recomendando aqui livros que já li e gostei! Se tiver recomendação de algum título que não esteja aqui, deixe nos comentários. 😉

3. Reveja fotos de viagens antigas

Já que não dá para planejar a próxima viagem, que tal recordar alguma que já passou? Essa é a hora de rever fotos, separar as que quer revelar ou até mesmo tirar do papel aquele album de fotos de uma viagem especial que você sempre quis montar, mas nunca tinha tempo!

Recomendo muito o serviço da Foto em Album para quem quer montar álbuns encadernados. Foi lá que eu fiz esse álbum das fotos acima.

4. Filmes e mais filmes!

Aproveite a quarentena para maratonar filmes e séries. Há muitos filmes que se passam em outros países e retratam outros cenários e culturas. Deixo aqui uma lista de sugestões:

  • O Gladiador (Itália)
  • Sob o sol da Toscana (Itália)
  • La Dolce Vita (Itália)
  • A princesa e o plebeu (Itália)
  • Para Roma, com amor (Itália)
  • O turista (Itália)
  • Cartas para Julieta (Itália)
  • Um bom ano (França)
  • O fabuloso destino de Amélie Poulain (França)
  • Meia noite em Paris (França)
  • Paris, te amo (França)
  • Vicky Cristina Barcelona (Espanha)
  • Albergue espanhol (Espanha)
  • Diários de Motocicleta (Argentina, Chile, Peru, Venezuela e Colômbia)
  • Morango e chocolate (Cuba)
  • Na estrada (EUA)
  • Na natureza selvagem (Alasca)
  • Comer, amar e rezar (Itália, Índia, Indonésia)
  • O Exótico Hotel Marigold (Índia)
  • Atentado ao Hotel Taj Mahal (Índia)
  • Memórias de uma Gueixa (Japão)
  • O último samurai (Japão)
  • Encontros e Desencontros (Japão)
  • Kill Bill (Japão)
  • A praia (Tailândia)
Foto: Kreative in Life

5. Visite museus pelo mundo, sem sair de casa

Graças ao Google Arts & Culture, é possível visitar diversos museus e até mesmo sítios arqueológicos pelo mundo, sem sair de casa. Aproveite a quarentena para explorar esse universo e tomar um banho de cultura – a qualquer época, isso nunca é demais!

6. Aprenda um novo idioma

Aprender um novo idioma é uma forma gostosa e útil de imergir em outra cultura. Que tal aproveitar esses dias de quarentena para começar a estudar outro idioma?

Você pode contratar um professor (à distância, é claro), comprar livros, focar em aplicativos ou até mesmo procurar opções na internet. Para quem busca uma opção gratuita, recomendo muito o aplicativo DuoLingo. É nele que tenho estudado, por conta própria, italiano, desde o último ano. Na minha viagem para Itália, consegui até arranhar algumas frases que aprendi por lá! 🙂

7. Comece a fazer um curso sobre algo que você ame

Uma das iniciativas mais bacanas, no meio de toda essa crise, na minha opinião, foi a liberação de cursos gratuitos por diversas entidades. Estou adorando fazer os cursos liberados pela Casa do Saber, através do aplicativo deles.

Basta fazer o cadastro no app e você terá acesso a todo o conteúdo da Casa do Saber on demand. Há vários cursos sobre vários assuntos. Dos que fiz, até agora, recomendo: “Jazz por Zuza Homem de Mello” (que me fez viajar para Nova Orleans e Chicago, sem sair de casa), “Introdução à história da arte: Paris, séculos XIX e XX”, “Arte contemporânea nos dias de hoje” e “O mundo de 68 para cá” (esse último é incrível para quem quer fazer um resumo histórico e ganhar mais visão de mundo!)

O app fica liberado gratuitamente até o dia 20/05 e vale a pena fuçar com calma, com certeza vai ter algum curso do seu interesse! 😉

8. Cursos gratuitos do MoMA

O Museu de Arte de Nova Iorque (MoMA) disponibilizou uma série de cursos incríveis online, que nos permitem navegar por suas obras e enriquecer nosso conhecimento cultural! Se você gosta do tema, como eu, aproveite!

Nesse link tem os cursos disponíveis, são todos em inglês. Você só precisa pagar se quiser ter um certificado no final (geralmente, para fins profissionais), se não fizer questão disso, não há custo! Eu fiz o curso “What Is Contemporary Art?” e adorei. Estou começando agora o “Modern Arts & Ideas”.

9. Festival Varilux em Casa

O Festival Varilux de Cinema Francês é uma referência para os amantes da 7ª arte. Eu tenho o hábito de acompanhar assiduamente sua programação, a cada ano. Dessa vez, por causa do coronavirus, ainda não há certeza sobre se o festival ocorrerá nos moldes de sempre.

Enquanto isso, em uma iniciativa solidária, patrocinada pela Embaixada da França no Brasil e pela Essilor/Varilux, foi disponibilizada uma seleção de 50 grandes filmes das últimas edições do Festival gratuitamente até o dia 27/08!

Você encontra maiores informações sobre como assistir os filmes e a lista completa de títulos aqui. Dos que já vi, recomendo: “Amor à segunda vista”, “O mistério de Henri Pick”, “A última loucura de Claire Darling” e “Cyrano mon amour”.

10. Beba um bom vinho e relaxe, essa crise vai passar!

Aproveite a quarentena para tomar aquele vinho especial que você trouxe de viagem. Ou então, viaje pela garrafa de ótimos vinhos mundo afora. Abaixo, vou deixar uma lista com sugestões de rótulos. Clicando nos nomes, você pode ver as características de cada um e comprá-los:

Brasil:

Chile:

Argentina:

França:

Itália:

Ps – fiz essa seleção baseada apenas em rótulos e vinícolas que conheço e gosto e sem qualquer pretensão de esgotar o assunto ou cobrir todo o mapa mundi.

Vinhos italianos especiais! (Foto: Viagem no Detalhe)

Obrigada pela visita!

Beijos, Camilla

****

*Créditos da foto da capa: JoyfullySaidSigns

Compartilhe!
Deixe seu Comentário
Lugares que já visitei
Instagram: @viagemnodetalhe