Dicas de Angra dos Reis: roteiro de viagem
Angra dos Reis Brasil Rio de Janeiro

Dicas de Angra dos Reis: roteiro de viagem

Por Camilla Ribeiro    Postado em 02.01.2021

Angra dos Reis poderia ser a verdadeira definição de paraíso na Terra, com suas 365 ilhas e praias (sim, uma para cada dia do ano!), natureza intocada e exuberante e cenários paradisíacos.

Se você busca um destino para relaxar e renovar as energias, fugir das multidões que tradicionalmente se aglomeram em destinos de praia (mais do que conveniente nos dias de hoje) e apreciar a beleza natural, Angra é o destino de férias perfeito para você!

Paisagem exuberante de Angra dos Reis (Foto: Viagem no Detalhe)

Foi lá que passei parte das minhas últimas férias (a outra metade passei em Búzios e contei tudo nesse post aqui) e não poderia recomendar mais!

// COMO CHEGAR?

Angra está localizada a 166 km do Rio de Janeiro. Os jeitos mais práticos de chegar lá são de carro ou ônibus. São inúmeras opções, saindo da rodoviária do Rio ou de cidades próximas.

// QUANDO IR?

De abril a novembro são os melhores meses para visitar Angra. O período de dezembro a março é a época de maior incidência de chuvas, portanto, não recomendo visitar a cidade nessa época.

// QUANTO TEMPO FICAR?

Não existe tempo mínimo para ficar em Angra, especialmente se o objetivo for recarregar as energias. Um fim de semana ou feriado de 3 dias já são suficientes para explorar bem as praias e ilhas, mas, quanto mais dias, melhor!

Eu passei uma semana lá durante as férias e foi perfeito para relaxar e curtir a região!

// ONDE SE HOSPEDAR?

A melhor opção de hotel em Angra dos Reis é, sem dúvidas, o impecável Fasano Angra dos Reis, hotel de luxo que dispensa maiores apresentações.

Fasano Angra dos Reis (Foto: Divulgação)

Outra opção interessante e mais acessível é a Pousada Jamanta, que também funciona como operadora de mergulho.

Pousada Jamanta (Foto: Divulgação)

Além dos hotéis, alugar uma casa na região pode ser uma boa opção, especialmente para quem vai em grupo ou simplesmente busca isolamento social (como foi meu caso, nessa última viagem para Angra).

Através do Airbnb, aluguei uma casa em Angra, na ponta do sapê, que era realmente paradisíaca! A casa possuía 2 quartos (comporta até 6 hóspedes) e tinha uma vista incrível de todos os seus cômodos! 

A piscina da casa (Foto: Viagem no Detalhe)
Nosso quarto na casa (Foto: Viagem no Detalhe)

A piscina ficava de frente para a praia, que é particular do condomínio de casas. São apenas 5 casas no condomínio e, todas as vezes que eu desci até a praia, não tinha ninguém mais.

Outro ponto positivo é que havia caiaque e Stand up paddle disponível (sem custo adicional) para quem aluga essa casa.

Praia privativa do condomínio (Foto: Viagem no Detalhe)

Enfim, amei a experiência e achei um lugar perfeito para desconectar e ter ótimos dias de relaxamento!

Reserve aqui (sem nenhum custo adicional) sua estadia nessa casa pelo Airbnb.

Ah, e se dinheiro não for um problema, recomendo também essa casa aqui, que fica no mesmo condomínio da que eu aluguei, mas é MUITO mais luxuosa e tem uma piscina que fica praticamente dentro mar.

Reserve aqui (sem nenhum custo adicional) sua estadia nessa casa pelo Airbnb.

// O QUE FAZER?

 Passeio de lancha – um passeio de lancha ou barco para explorar as 365 praias e ilhas da região é imperdível numa viagem para Angra dos Reis! Eu optei por fazer um passeio privativo com o Vitor da Ygara Angra e recomendo muito – além de super atencioso, com uma lancha muito bem cuidada, o Vitor tinha ótimas dicas de lugares vazios e menos conhecidos para visitar.

Não deixe de incluir no seu roteiro do passeio de lancha:

Ilhas Botinas – vistas de cima, tem formato de botas, por isso o nome. São famosas pela incrível visibilidade da água e muito procuradas para a prática de snorkel. No dia do meu passeio de lancha, infelizmente, o tempo não contribuiu muito, mas, mesmo num dia nublado, a cor da água é impressionante!

Ilha de Cataguazes – é a ilha que fica mais próxima do continente e, por isso, muito procurada pelos turistas. Sua maior atração é seu mar calmo e transparente.

Praia do dentista – a mais badalada da região, aonde acontecem aquelas festas nos barcos e aonde fica o famoso coqueiro em que todo mundo tira foto! O mais lindo dessa praia, na minha opinião, é a cor verde esmeralda da água e a exuberante vegetação que a circunda.

Almoço na lancha de frente para a Praia do Dentista (Foto: Viagem no Detalhe)

Praia de Juruba – uma grande achado (dica do Vitor da lancha!), pertinho da praia do dentista! Essa praia estava absolutamente deserta quando fui lá e, além de ser deliciosa, tinha um balanço super instagramável!

Ilha de São João – é bem semelhante às Ilhas Botinas (fica bem perto delas, na verdade), mas é muito mais vazia.

Leandro e a Ilha de São João atrás (Foto: Viagem no Detalhe)

Ilha da piedade – além da praia de águas calmas, essa ilhota abriga uma charmosa igrejinha, acessível pela areia. Uma graça!

Ilha da Piedade e sua igreja (Foto: Viagem no Detalhe)

➦ Ilha Grande – é a maior ilha de Angra dos Reis e merece um dia (ou mais, se tiver tempo disponível) todo só para si, no seu roteiro. Dentre os pontos imperdíveis de parada em Ilha Grande, estão: Lagoa Azul, Praia Lopes Mendes (considerada uma das mais lindas do mundo), Praia do Aventureiro e Praia de Grumixama. Ah, recomendo também uma parada para almoço no Restaurante Reis e Magos.

***

Angra dos Reis é um verdadeiro paraíso onde natureza e praia se integram e completam de forma ímpar. Espero que esse roteiro tenha te inspirado a colocar Angra nos seus planos de viagem muito em breve!

Obrigada pela visita!

Beijos,

Camilla

Acompanhe minhas viagens em tempo real pelo Instagram >>@viagemnodetalhe

Se você gosta das dicas do blog, ajude na sua manutenção, reservando seus hotéis e pousadas pelos links daqui. Isso não aumenta em nada o valor da sua reserva e gera um pequeno percentual revertido para o blog 

Compartilhe!
Deixe seu Comentário
 
1 Comentário
  1. […] de praia com tranquilidade, charme e natureza exuberante, mas sem grandes badalações. Confira nesse post todas as minhas dicas de […]

Lugares que já visitei
Instagram: @viagemnodetalhe