O que fazer no Bairro dos Mellos, em Campos do Jordão
Brasil Campos do Jordão Santo Antônio do Pinhal São Bento do Sapucaí São Paulo

O que fazer no Bairro dos Mellos, em Campos do Jordão

Desvendando um dos cantinhos mais charmosos e escondidos da cidade
Por Camilla Ribeiro    Postado em 01.04.2021

Eu confesso que nunca tinha ouvido falar do Bairro dos Mellos, mesmo sendo frequentadora assídua da cidade de Campos do Jordão. Só fui descobrir esse cantinho cheio de charme no último carnaval, quando passei dias de pura tranquilidade, hospedada no Six Senses Botanique.

A charmosa propriedade do Six Senses Botanique (Foto: Viagem no Detalhe)

O bairro fica a aproximadamente 12 km de Capivari e exala ares bucólicos e uma tranquilidade bem diferente do centro da cidade. A proximidade com Minas traz um sotaque mineiro acolhedor para o local. Some a isso um circuito turístico no melhor estilo slow travel e o visual incrível da Serra da Mantiqueira – uma combinação irresistível!

Vinícola Villa Santa Maria, nos arredores do Bairro dos Mellos (Foto: Viagem no Detalhe)

A região é bem mais vazia do que o centro de Campos de Jordão e o circuito turístico dos Mellos surpreende com atrativos charmosos tanto no bairro, como nos seus arredores. Se você gosta de curtir lugares sossegados, visitar vinícolas, fazendas e sítios, apreciar o verde, comer muito bem…o Bairro dos Mellos vai te encantar, assim como me encantou!

// Onde ficar?

Para conhecer o Bairro dos Mellos e suas atrações, obviamente, você não precisa se hospedar lá. Mas se a ideia é fazer uma imersão local focada no slow travel, eu recomendo fortemente que você se hospede no bairro! Não só por isso, mas também pelo fato de lá ficar o melhor hotel de Campos do Jordão: o Six Senses Botanique.

Café da manhã com vista no Six Senses Botanique (Foto: Viagem no Detalhe)
Piquenique cinematográfico preparado pelo hotel (Foto: Viagem no Detalhe)

Fiz um hotel review super completo de lá e recomendo o hotel de olhos fechados para quem planeja ir a Campos do Jordão. Reserve aqui (sem custo adicional) sua estadia no Six Senses Botanique .

// O que fazer no Bairro dos Mellos e Arredores?

O Bairro dos Mellos fica coladinho em São Bento do Sapucaí e Santo Antonio do Pinhal. As atrações que indico aqui, mesmo quando tecnicamente localizadas em seus arredores, são todas bem pertinho do bairro, em sua continuação.

Bairro dos Mellos:

Apiário Api-Levy – É considerado como produtor do melhor mel da Serra da Mantiqueira (e um dos melhores do Brasil!), O apiário é aberto a visitações e, na sua loja conceito, você pode aproveitar para adquirir essa iguaria.

São Bento do Sapucaí:

Vinícola Villa Santa Maria – Localizada a apenas 20 km de Campos de Jordão, a Vinícola Villa Santa Maria surpreende com belas paisagens, restaurante charmoso e vinhos premiados. Lá, é possível fazer visitas guiadas, degustações e almoçar no restaurante ou petiscar no wine garden.

A paisagem da Vinícola Villa Santa Maria (Foto: Viagem no Detalhe)
O Wine Garden da Villa Santa Maria (Foto: Viagem no Detalhe)
Cada cantinho da Villa Santa Maria é um charme (Foto: Viagem no Detalhe)

Eu optei por fazer a visita guiada, para conhecer melhor sua história e produção, seguida do almoço em 3 tempos no restaurante (R$ 200 com harmonização ou R$ 140, sem vinhos – valores de fev/21), e não me arrependi!

Casarão principal da vínicola e a natureza exuberante da região (Foto: Viagem no Detalhe)

A vinícola é linda e possui alguns rótulos bem interessantes. Vale muito a pena reservar uma manhã ou tarde completas para fazer esse passeio!

Endereço: Estrada Municipal Jose Theotonio da Silva , S/N Bairro do Baú, São Bento do Sapucaí

Santo Antônio do Pinhal

Cachoeira do Lageado – Linda cachoeira com uma queda d’água grande e cheia de cantinhos agradáveis. Fui num fim de tarde para conhecer, mas me arrependi de não ter voltado para mergulhar, parece uma delícia! É cobrado ingresso de R$ 10,00 para entrada.

A cachoeira do Lageado (Foto: Viagem no Detalhe)
Queda d’água poderosa da cachoeira do Lageado (Foto: Viagem no Detalhe)
Informações na entrada (Foto: Viagem no Detalhe)

Endereço: Estrada Municipal do, Estr. do Lageado, S/n – Lageado, Santo Antônio do Pinhal 

Sítio Harmonia – Esse sítio é um grande exemplo de equilíbrio entre o homem e a natureza: altamente produtivo, sustentável e orgânico. O visitante pode percorrer as estufas e colher pessoalmente os itens para formar uma cesta com suas compras locais. Ah! E se for época de pinhão, é possível pegá-los no chão, caídos das araucárias.

Endereço: R. Elídio Gonçalves da Silva, Santo Antônio do Pinhal

Fazenda Eisland Na fazenda Eisland, é possível provar o o melhor sorvete artesanal da serra, um gelato feito com geleias caseiras e creme de leite das vacas Jersey da própria fazenda!

Endereço: Est. Mun. Pedro Joaquim Lopes, 2400 – Bairro do Lageado 

Cervejaria Carijó – cervejaria artesanal da serra, bem famosinha na região. Não tive mas oportunidade de ir dessa vez, mas pelo que vi, tem um ambiente super agradável em meio ao verde e conta também com restaurante próprio. Se tiver tempo, vale a pena incluir no seu roteiro.

Endereço: Estr. Francisca dos Santos Silva, 4432 – Lageado (próximo à Cachoeira do Lageado)

// Restaurantes

 Empório dos Mellos – Focado no conceito de slow food e com ingredientes provenientes de pequenos produtores (“do campo à mesa”), o Empório dos Mellos oferece o melhor da culinária regional e foi uma grata surpresa para mim!

A fachada do Empório (Foto: Viagem no Detalhe)
Dentro, há uma mercearia (Foto: Viagem no Detalhe)

O restaurante funciona apenas no almoço (mediante reserva), com a opção do menu degustação de 5 etapas: um amuse bouche, entrada, salada, principal (com 3 opções: peixe, carne ou galinha), sobremesa (melhor rabanada da vida, não deixe de provar!) e cafezinho. Tudo delicioso e impecável, além do atendimento excelente e do ambiente super aconchegante – recomendo demais!

Endereço: R. Elídio Gonçalves da Silva, 1800 – Bairro dos Mellos, Campos do Jordão

 Restaurante Mina – focado na gastronomia brasileira e com um visual de tirar o fôlego, almoçar no restaurante Mina é um super programa, tanto para hóspedes do Six Senses Botanique, como não hóspedes (o restaurante é aberto ao público geral, no almoço, mediante reserva).

Ambiente todo de vidro do Restaurante Mina (Foto: Viagem no Detalhe)

A culinária do restaurante incorpora o conceito de farm to table e prioriza produtos frescos, orgânicos, boa parte cultivada no próprio hotel ou pequenos produtores regionais. O destaque da carta de vinhos é sua excelente seleção de rótulos nacionais.

Spaghetti com ragu de cordeiro no Restaurante Mina (Foto: Viagem no Detalhe)

A culinária do restaurante incorpora o conceito de farm to table e prioriza produtos frescos, orgânicos, boa parte cultivada no próprio hotel ou pequenos produtores regionais. O destaque da carta de vinhos é sua excelente seleção de rótulos nacionais.

Endereço: R. Elídio Gonçalves da Silva, 4000 – Bairro dos Mellos, Campos do Jordão

***

O Bairro dos Mellos nos encanta com a beleza da simplicidade. Definitivamente, uma descoberta que merece ser compartilhada!

Obrigada pela visita!

Beijos, Camilla

Acompanhe minhas viagens em tempo real pelo Instagram >>@viagemnodetalhe

Se você gosta das dicas do blog, ajude na sua manutenção, reservando seus hotéis e pousadas pelos links daqui. Isso não aumenta em nada o valor da sua reserva e gera um pequeno percentual revertido para o blog 

Compartilhe!
Deixe seu Comentário
 
2 Comentários
  1. […] Six Senses Botanique fica em Campos do Jordão, a aproximadamente 12 km de Capivari, no charmoso Bairro dos Mellos. Esse bairro tem ares bucólicos e uma tranquilidade bem diferente do centro da cidade, além de um […]

  2. […] no charmoso Bairro dos Melos, em Campos do Jordão, o Six Senses Botanique ocupa uma área enorme de 1,2 milhões de m2 e conta […]

Lugares que já visitei
Instagram: @viagemnodetalhe